Você > Compilador de notícias (Não excluir)

Compilador de notícias (Não excluir)

Relação das últimas notícias
Você > Notícias > Paralisação parcial não afeta atendimento dos Correios

Paralisação parcial não afeta atendimento dos Correios

Brasília, 20/9/2017 - A paralisação parcial, iniciada nesta quarta-feira (20) por alguns sindicatos da categoria, não afeta os serviços de atendimento dos Correios. Até o momento, todas as agências, inclusive nas regiões que aderiram ao movimento paredista, estão abertas e todos os serviços estão disponíveis.

Nesses locais, a empresa já colocou em prática seu Plano de Continuidade de Negócios para minimizar os impactos à população. Os Correios informam que o movimento está concentrado na área de distribuição — levantamento parcial realizado na manhã de hoje mostra que 93,17% do efetivo total dos Correios no Brasil estão presentes e trabalhando — o que corresponde a 101.161 empregados, número apurado por meio de sistema eletrônico de presença.

Negociação — As negociações com os sindicatos que não aderiram à paralisação ainda estão sendo realizadas esta semana. Os Correios continuam dispostos a negociar e dialogar com as representações dos trabalhadores na busca de soluções que o momento exige e considera a greve um ato precipitado que desqualifica o processo de negociação e prejudica todo o esforço realizado durante este ano para retomar a qualidade e os resultados financeiros da empresa.

 

Você > Avisos > Atraso na entrega de objetos destinados aos Estados Unidos

Atraso na entrega de objetos destinados aos Estados Unidos

Devido à passagem do furacão Irma, são esperados atrasos na entrega de objetos destinados aos Estados Unidos.

Você > Avisos > Novo Sistema de Registro das Exportações

Novo Sistema de Registro das Exportações

Informamos que, por meio da Instrução Normativa RFB nº 1702, de 21 de março de 2017, a Receita Federal implantou o novo sistema de registro das exportações, DU-E (Declaração Única de Exportação).

Para que as exportações sejam realizadas com sucesso, é necessário o preenchimento correto e completo da nota fiscal eletrônica (Danfe), bem como da Unidade de Medida Estatística, de acordo com a classificação fiscal (NCM). Pois, o registro da DU-E têm como base os dados constantes da Danfe e é iniciado pela chave de acesso da nota, composta de 44 dígitos.

Os Correios estão preparados para o novo sistema de registro e, a partir de 1º de setembro de 2017, exportações postais amparadas por nota fiscal eletrônica somente serão registradas por meio da DU-E. No entanto, as mercadorias enviadas sem a nota fiscal eletrônica continuarão sendo registradas via DSE (Declaração Simplificada de Exportação) até a total migração dos órgãos e entidades envolvidos no comércio exterior para o novo sistema de registro das exportações.

Ressaltamos que, por enquanto, a DU-E não gera extrato ou comprovante de exportação. O número de registro da DU-E e o número do RUC (Registro Único de Carga) serão enviados ao cliente para que este possa, junto à instituição bancária, efetuar o fechamento do câmbio da exportação, caso necessário. Tão logo a geração de extratos e comprovantes esteja disponível, enviaremos ao cliente via e-mail.  

Para mais informações, acesse a cartilha “Exportação Portal Único” elaborada pela Receita Federal do Brasil, clicando aqui ou entre em contato no endereço atendimentognin@correios.com.br


Atenciosamente,

Gerência de Negócios Internacionais

Departamento de Negócios de Encomendas e E-commerce

Você > Notícias > Correios é finalista do Prêmio SESI ODS 2017 por prática sustentável

Correios é finalista do Prêmio SESI ODS 2017 por prática sustentável

Brasília, 17/8/2017 -  O Veículo Elétrico de Calçadão (VEC) dos Correios é uma das práticas sustentáveis finalistas do Prêmio Sesi ODS 2017, iniciativa que visa reconhecer as organizações públicas e privadas que trabalham em prol dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). A prática foi responsável por aumento de produtividade na entrega de cartas e encomendas e redução na quantidade de carbono emitida pela empresa.

“Ser selecionado como finalista do prêmio é mais um reconhecimento que os Correios recebem por sua preocupação em realizar um trabalho de qualidade, minimizando o impacto dessas atividades ao meio ambiente. Nosso engajamento não é só no discurso, mas também na prática”, ressaltou o presidente dos Correios, Guilherme Campos.

Além de deixar de emitir 85,2g de monóxido de carbono (CO), 14,2g de hidrocarbonetos (HC), 21,6g de óxidos de nitrogênio (NOx) e 0,497g de aldeídos (CHO) diariamente, ao utilizar o VEC, os Correios reduzem as rotas de entrega de 11 para 9.  Com aumento da produtividade, a empresa regularizou o horário de coleta e entrega, obtendo maior satisfação dos clientes e reconhecimento das práticas sustentáveis utilizadas.

Em sua segunda edição, o Prêmio recebeu inscrições de 33 empresas na categoria “Poder Público”, sendo 12 delas classificadas, incluindo os Correios, que concorrem na subcategoria “Poder Público Federal”. O resultado final da premiação será divulgado no dia 17 de outubro, durante o Congresso Sesi ODS, em Curitiba.

Tendência mundial - Os VECs foram a solução que os Correios desenvolveram para continuar realizando entregas e coletas em regiões de Curitiba, que, assim como diversas cidades no mundo, adotou medidas restritivas quanto ao acesso de automóveis em determinadas áreas da cidade.

Eles são veículos de pequeno porte, porém com grande capacidade (até 1.000 kg de carga útil) e de fácil manejo, elétricos, não poluentes, e com velocidade máxima de 5km/h. Dotado de sistema elétrico de movimentação, seu conjunto de baterias é regarregado no período noturno, quando o veículo encontra-se fora de operação. Os comandos de aceleração, freio, reversão e direção são realizados com apenas uma das mãos pelo carteiro.

A utilização dos VECs foi uma das ações que contribuíram para que os Correios atingissem, em 2017, a meta estabelecida pelo Programa Global de Redução de Emissão de Carbono no Setor Postal para 2025. O acordo, coordenado pela International Post Corporation (IPC), propõe que os operadores postais reduzam suas emissões em 20% até 2025 tendo como base o ano de 2013. Considerando a quantidade de gás carbônico emitida em 2016, os Correios do Brasil reduziram em 24,4% o resultado de 2013, superando a meta com oito anos de antecedência.

Você > Avisos > Envio de carga postal para Venezuela

Envio de carga postal para Venezuela

Em virtude de indisponibilidade de transporte, foi interrompido temporariamente o envio de carga postal para a Venezuela.

Desta forma, foi suspensa a postagem nas modalidades abaixo com destino à Venezuela:

  • Documento Econômico
  • Documento Prioritário
  • Leve Internacional
  • Mercadoria Econômica

Objetos que tenham sido postados nessas modalidades de serviço com destino à Venezuela serão encaminhados em devolução aos remetentes.

Para esse destino estão disponíveis somente os serviços Sedex Mundi Documento e Sedex Mundi Mercadoria.

Você > Avisos > SESSÃO PÚBLICA Nº: 001/2017

SESSÃO PÚBLICA Nº: 001/2017

OBJETO: Em obediência à Lei 12.232/2010, art 14 § 2º, será realizada sessão pública objetivando a abertura dos envelopes de orçamentos para a execução de ação de comunicação, referente à contratação de empresa especializada para a produção das seguintes peças eletrônicas:

 - Produção de 1 (um) filme de 60 segundos, 2 (dois) filmes de 30 segundos, incluindo produção, direção, captação com câmera HD para realização total em 4 (quatro) diárias, de pré-produção, produção, equipe de filmagens, diretor, diretor de fotografia, direção de arte, pesquisa de linguagem, shooting board, locações, produção de objetos, figurino, cachês de atores e figurantes, pós-produção, edição e color. Finalização em HD e SD e closed caption.  Inclui Taxa de 3 Ancines (três obras brasileiras). Utilização: TV aberta; TV fechada; mídia digital; mídia alternativa; mídia exterior; internet; cinema; rádio; mídia impressa; DOOH; eventos; acervo do cliente Correios. Veiculação em praça nacional pelo período de 12 meses. Período indeterminado para acervo online do cliente e agência.  

 - Produção de 1 (uma) vinheta de 5 segundos, incluindo direção, edição, computação gráfica, mixagem, montagem e finalização. Inclui Taxa de 1 Ancine (uma obra brasileira). Utilização: TV aberta; TV fechada; mídia digital; mídia alternativa; mídia exterior; internet; cinema; mídia impressa; DOOH; eventos; acervo do cliente Correios. Veiculação em praça nacional pelo período de 12 meses. Período indeterminado para acervo online do cliente e agência.

 A produção será intermediada pela agência Propeg. Local, data e horário da reunião: Edifício Sede dos Correios, localizado no SBN Q1 - Bloco A - 3º andar Ala Sul, no dia 10/08/2017, às 16h. Outras informações poderão ser obtidas no endereço mencionado, no horário das 09:00 às 12:00 h e das 14:00 às 18:00 h. Tel.: (61) 2141-6376. E-mail: mariopartida@correios.com.br

Você > Notícias > Atletas brasileiros conquistam medalha de prata no Mundial de Esportes Aquáticos

Atletas brasileiros conquistam medalha de prata no Mundial de Esportes Aquáticos

Brasília-DF, 24/7/2017 - A equipe brasileira do revezamento 4x100m livre masculino brilhou e conquistou, ontem (23), a medalha de prata no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, na cidade de Budapeste, na Hungria. O quarteto formado por Cesar Cielo, Bruno Fratus, Marcelo Chierighini e Gabriel Santos ficou atrás apenas do quarteto norte-americano.

Além dessa conquista, a semana começou excelente para a natação brasileira. Hoje (24) , o brasileiro Nicholas Santos, de 37 anos (atleta mais velho de toda a competição), foi ao pódio com o tempo de 22s79, conquistando a segunda medalha de prata nos 50m borboleta, atrás apenas do britânico Benjamin Proud. Com essa conquista, Santos se torna o medalhista mais velho da história dos Mundiais.

A Hungria sedia, entre os dias 14 a 30 de julho, o Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos com mais de 2.000 atletas de 40 países. Os Correios, patrocinadores dos esportes aquáticos desde 1991, celebram a conquista dos nadadores.

Responsabilidade Social – Por meio do patrocínio, os Correios proporcionam o desenvolvimento das modalidades, dos atletas e mantêm projetos sociais que estimulam a prática de esportes que beneficiam mais de 10 mil crianças e adolescentes. Além dos atletas de alto rendimento, os Correios também investem nas bases das modalidades, empregados e crianças em situação de vulnerabilidade, fomentando a prática do esporte e garantindo a inserção social de jovens em situação de risco.

Você > Notícias > Correios é escolhida instituição de maior confiança dos brasileiros

Correios é escolhida instituição de maior confiança dos brasileiros

Brasília, 11/7/2017 - Os Correios permanecem como a instituição mais confiável do Brasil. Pelo 15º ano consecutivo, o Prêmio Marcas de Confiança, concedido pela revista Seleções, aponta a empresa como líder do ranking Instituições de Confiança, ao lado das Forças Armadas, com 67% dos votos.

“Temos muito orgulho em vencer esse prêmio pela 15ª vez. Para mim, não é nenhuma surpresa, pois nossos empregados estão em cada canto deste país, levando qualidade e confiança à casa de cada brasileiro. Estamos trabalhando arduamente para que a população continue tendo esse carinho pelos Correios”, ressaltou o presidente da empresa, Guilherme Campos.  

Realizado pelo Datafolha, o levantamento de dados incluiu 37 categorias de produtos e serviços, além de instituições, profissões, ONGs e personalidades brasileiras. A pesquisa Marcas de Confiança 2017 coletou dados via web com 2.069 leitores da revista Seleções, entre maio e junho deste ano. Os resultados foram ponderados de acordo com a proporção de assinantes da publicação em cada região brasileira.

Você > Notícias > Correios define com CBDA melhorias na entidade para manutenção do patrocínio

Correios define com CBDA melhorias na entidade para manutenção do patrocínio

Brasília, 6/7/2017 - Nesta quarta-feira (5) foi realizada a primeira reunião dos Correios com a nova direção da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos - CBDA. Na reunião foram tratadas as melhorias já realizadas na entidade desde a posse da nova diretoria. O presidente dos Correios, Guilherme Campos, apresentou a decisão da empresa pela manutenção do contrato. “Acordamos com o presidente da CBDA a apresentação, no prazo máximo de 90 dias, de um projeto para implantação de melhorias de controle e políticas de governança, bem como de redução das despesas administrativas. Queremos garantir que nosso investimento trará ainda mais retornos para os Correios e os atletas da modalidade”, afirmou o dirigente.

Como resposta, o novo presidente da confederação, Miguel Cagnoni, declarou que seu objetivo à frente da confederação é continuar fazendo com que os Correios mantenham o apoio à entidade. “Nosso compromisso é fazer uma gestão transparente. Queremos que os Correios tenham orgulho em patrocinar os desportos aquáticos brasileiros”.

Em abril deste ano, os Correios iniciaram processo administrativo interno para decidir pela continuidade ou não do patrocínio à CBDA. Como patrocinadora dos desportos aquáticos desde 1991, a empresa decidiu manter o investimento, considerando seu compromisso com o desenvolvimento do esporte nacional.

Mais que um patrocínio – Além de investir em atletas de ponta, o patrocínio dos Correios também beneficia as bases das modalidades, empregados e crianças em situação de vulnerabilidade. O Campeonato Nacional de Natação dos Correios visa auxiliar na manutenção do clima organizacional, no envolvimento dos familiares e empregados em atividades promovidas pela empresa, bem como na visibilidade do patrocínio esportivo junto ao público interno. Além disso, três projetos garantem a assistência social, educativa e esportiva de mais de 1000 crianças de escolas públicas, fomentando a prática do esporte e garantindo a inserção social de jovens que moram em áreas de risco.

Você > Notícias > Correios sedia evento que visa trazer mais transparência à gestão do esporte nacional

Correios sedia evento que visa trazer mais transparência à gestão do esporte nacional

Brasília, 28/6/2017 - Foi apresentada, nesta terça-feira (27), no Centro Cultural dos Correios em São Paulo, uma iniciativa que garantirá mais segurança a potenciais patrocinadores do esporte nacional. O evento para assinatura do “Termo de Parceria do Rating das Entidades Esportivas” contou com a presença de representantes de diversas entidades do esporte, que se comprometeram a aderir à plataforma “Rating” – em desenvolvimento pelo Instituto Ethos com consultoria da Ernst Young e colaboração de comitês, confederações e clubes, do Pacto pelo Esporte e do Atletas pelo Brasil para avaliar quais confederações e clubes seguem boas práticas de governança corporativa, transparência e gestão. 

O termo de parceria, que firma o compromisso de adesão à ferramenta, foi assinado pelo presidente do Instituto Ethos, Caio Magri, pelo vice-presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Paulo Wanderley, pelo vice-presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, Ivaldo Brandão, pelo superintendente executivo do Comitê Brasileiro de Clubes, Edson Garcia, e pelo diretor da Atletas pelo Brasil, Raí Oliveira. 

Responsável pela abertura do encontro, o presidente dos Correios, Guilherme Campos, destacou que o Pacto pelo Esporte foi elaborado pelas principais empresas patrocinadoras do esporte no Brasil. “Os Correios tiveram a honra de participar dessa ação, que busca contribuir para a melhoria do esporte de alto rendimento no país. Para nós, a criação do Rating é de extrema importância, uma vez que pretende fomentar, a longo prazo, um ambiente seguro e transparente para os investimentos, ampliando o número de patrocinadores e o volume de recursos para as entidades que ajudam a desenvolver o esporte nacional”, destacou.

O Pacto pelo Esporte é um acordo voluntário entre empresas patrocinadoras do esporte nacional, que define regras e mecanismos na relações entre patrocinadores e entidades esportivas.