Você > Notícias > Marketing postal tem forte atuação no período eleitoral

Marketing postal tem forte atuação no período eleitoral

A comunicação por impresso ou mala direta continua sendo a preferência da população durante o período eleitoral, mesmo em tempos de internet. Segundo pesquisa promovida pela Diretoria Regional dos Correios em São Paulo, 21% dos entrevistados afirmaram preferir receber material de campanha impresso em suas residências, ficando as redes sociais em segundo lugar na preferência (20%).

Diante desta possibilidade de facilitar a interação de candidatos e partidos políticos com o público de interesse, desde junho, os Correios estão disponibilizando sua logística de entrega e uma carta de produtos e serviços específicos para as campanhas eleitorais. Neste sentido, até o final de agosto a estatal distribuiu cerca de 2,5 milhões de objetos, o que representa uma evolução de 70% na comercialização, comparando-se ao mesmo período do pleito de 2010.

Marketing Direto – Numa ação estruturada de comunicação com os clientes, a Diretoria Regional de Pernambuco realizou venda individual de quatro milhões de unidades da Mala Direta Domiciliária Eleições. Por meio desta ação, candidatos e partidos podem falar com sua base eleitoral, mesmo sem ter acesso aos endereços, uma vez que os carteiros fazem a entrega em regiões selecionadas pelo cliente.

Para aqueles que já possuem mailing de eleitores, os Correios disponibilizam a Mala Direta Básica ou Especial, com remessa de materiais promocionais diretamente nos endereços indicados. Os candidatos interessados em adquirir alguma das soluções dos Correios para o período eleitoral devem se dirigir a uma das agências e formalizar a proposta. Vale ressaltar que este ano não há mais necessidade de celebrar contrato para o envio de malas diretas.