Portal dos Correios

Sobre o Espaço

 

Mais sobre o espaço


Sobre o Espaço 

O Espaço Cultural Correios ocupa um belíssimo prédio histórico na Praça da Alfândega, localizada no Centro de Porto Alegre. Inaugurado em 1914 e tombado pelo IPHAN em 1980, o edifício foi sede dos Correios na capital gaúcha por décadas e atualmente abriga também o Memorial do Rio Grande do Sul. Entre as atividades realizadas estão exposições de artes visuais, oficinas, eventos e visitas guiadas à Sala Histórica.

 Mais sobre o Espaço

Com o objetivo de fomentar ações culturais, abrigar a memória postal e contribuir para o desenvolvimento da sociedade, o Espaço Cultural Correios Porto Alegre foi constituído em 2005. Promove suas atividades num prédio que foi projetado pelo arquiteto alemão Theo Wiedersphan e que está situado entre outros dois importantes espaços de arte do Estado: o Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS) e o Santander Cultural. 

No térreo do prédio, um amplo espaço está disponível para abrigar exposições artísticas e outras atividades culturais. Além de receber projetos selecionados através de edital, o local também está apto a acolher, através do sistema de escolha direta, ações propostas por artistas, curadores e produtores culturais.

 Programação 

Sala Histórica Correios

A história dos Correios nos últimos dois séculos é contada através de uma coleção de móveis, máquinas e equipamentos. Os visitantes podem conhecer a memória da empresa e resgatar a história da correspondência no Brasil, agendando uma visita guiada ao espaço.

 

Programação
EXPOSIÇÃO


Espaço Cultural Correios recebe exposição de Graça Craidy

A partir da próxima terça-feira (3 de julho), o Espaço Cultural Correios Porto Alegre recebe a exposição “A mulher que roubava almas”, composta por 115 retratos pintados por Graça Craidy. Será a primeira vez que toda a produção da artista plástica estará reunida em uma montagem retrospectiva, incluindo obras inéditas. A inspiração para o título da mostra vem de antigas culturas: os aborígenes acreditavam que ser retratados por alguém roubava-lhes a alma e, pela mesma razão, a arquitetura marroquina não registra figuras, apenas arabescos.

Na exposição, as obras estão divididas em 11 módulos: Retratos do Amor, Retratos da Diversidade, Retratos da Violência, Retratos da Morte, Retratos do Desespero, Retratos da Guerra, Retratos da Natureza, Retratos das Artes, Retratos do Expressionismo, Retratos da Paixão e Retratos da Solidão. Em “Retratos do Desespero”, por exemplo, a violência contra a mulher é tema de uma série que aponta os crimes denunciados pela Lei Maria da Penha. Já em “Retratos da Diversidade”, grandes painéis de 1,60m x 1m mostram a beleza e a multiplicidade do ser humano, com obras que revelam a expressividade de personalidades como a cantora Pabllo Vittar. Os “Retratos do Amor” trazem beijos clássicos de cinema, como nos filmes Casablanca, La Dolce Vita, A um Passo da Eternidade e Bonequinha de Luxo.

O público poderá conferir a exposição de 03 a 31 de julho, de terças a sábados, das 10h às 18h. A entrada é gratuita. O Espaço Cultural Correios Porto Alegre está localizado no térreo do prédio histórico dos Correios na Praça da Alfândega (Centro Histórico da capital gaúcha), junto ao Memorial do Rio Grande do Sul, com entrada pela lateral, na Avenida Sepúlveda.

Serviço:
Exposição “A mulher que roubava almas”, de Graça Craidy
Abertura:
3 de julho, às 18h
Período: 3 a 31 de julho
Horário de visitação: das 10h às 18h, de terças a sábados
Local: Espaço Cultural Correios Porto Alegre (térreo do prédio histórico dos Correios na Praça da Alfândega, com entrada pela lateral, na Av. Sepúlveda)
Entrada gratuita


 

Centro Cultural Porto Alegre

Endereço:

Rua Sete de Setembro, 1.020, Térreo – Praça de Alfândega
Centro – Porto Alegre - RS
CEP: 90010-191 

Horário de funcionamento:

De segunda a sexta-feira, das 9h às 17h

Contatos:

Telefone: (51) 3220-4728
E-mail: espacocultural-rs@correios.com.br