Portal dos Correios
Sobre os Correios > Sustentabilidade > Vertente ambiental > Redução de gases do efeito estufa

Redução de gases do efeito estufa

Unidade Responsável: Departamento de Relações Institucionais (DEREL)
Atualizado em junho de 2018

Preocupados com a saúde da população, com a qualidade de vida do planeta e com as mudanças climáticas, os Correios realizam as seguintes ações para mitigar e/ou compensar a emissão de CO2 geradas pela empresa na execução de suas atividades administrativas e operacionais:

Programa Global de Redução de Emissão de Carbono no Setor Postal

Foi firmada a adesão voluntária dos Correios ao Programa de Monitoramento das Emissões de Gás Carbônico da International Post Corporation (IPC). Com sede em Bruxelas (Bélgica), a IPC congrega os principais operadores postais do mundo. O Programa Global estabeleceu a meta de redução das emissões de gás carbônico em 20% até 2025 em relação ao ano de 2013.

A adesão foi realizada durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável: Rio + 20. Os Correios do Brasil tornaram-se o primeiro operador latinoamericano a integrar o programa e conquistaram dois reconhecimentos: Premiação ID People Americas Awards  na categoria Postal Innovation (2013) e superação da meta global de redução das emissões em 2017.

Veículo Elétrico de Calçadão - VEC

Equipamento movido a bateria recarregável, especialmente desenvolvido para acessar regiões centrais onde veículos normais têm dificuldade de estacionar. Cada VEC está sendo utilizado para entregar e coletar encomendas, no peso de até 900 Kg (ou volume de 2.200 litros), nos calçadões de áreas centrais das cidades de Curitiba/PR e Porto Alegre/RS.

Veículos Elétricos

Desde 2010, são testados veículos elétricos na atividade postal em parceria com montadoras. Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), Renault e BYD são alguns dos fabricantes de veículos avaliados pelos Correios. 

Videoconferência Corporativa

Esta ferramenta permite a realização de eventos a distância e com transmissão simultânea de áudio e vídeo, promovendo o contato entre interlocutores que estejam em locais diferentes. Com isso, há uma redução dos custos de viagens, que resultam, principalmente, em ganhos de produtividade e na redução de emissão de gases efeito estufa, provenientes da diminuição de aquisição de passagens aéreas para deslocamento de participantes.